domingo, 13 de março de 2011

Jogo movimentado e empate entre Caxias e Internacional

No estádio Centenário, em Caxias do Sul, um 3 a 3 cheio de alternativas, repleto de momentos dignos de um jogão de bola. O goleiro Sangali defendeu mais um pênalti, Damião fez mais três gols (ainda que estivesse em posição irregular no segundo gol), Everton fez outra boa partida contra a dupla grenal, teve expulsão, comemoração polêmica e empate no finalzinho. Com o empate, o Caxias conquistou o primeiro ponto na Taça Farroupilha, tem um jogo apenas e ocupa a terceira colocação do grupo 1. O Colorado, depois da segunda partida, tem quatro pontos e é o líder do grupo.
No jogo, um Caxias embalado, rápido e arrasador logo de início. Pôs o Inter na roda e marcou logo aos 3min, depois de belo chute de Itaqui, de fora da áera, no cantinho de Lauro. O meia/volante do Caxias ocupa o setor esquerdo do meio campo do time da serra, que joga em losango e conta muito com a chegada dos meias dentro da área, pois os atacantes Everton e Lima se movimentam para os lados ou pra trás e abrem espaços na defesa adversária. Assim saiu o segundo gol do Caxias, gol do meia Waldison.
Mas antes do gol de Waldison, teve gol de Damião. Ultimante, sempre tem gol de Damião. Leandro Damigol ou Damishow, fique a seu critério. O cara é o artilheiro do Gauchão, chegou aos 11 gols. Carregou nas costas um Inter que não encontrou seu melhor futebol, num 4-2-3-1 que foi razoável com Oscar na meia-direita, mas deixou muito a desejar com Zé Roberto apenas fazendo número na esquerda. A tarde foi tão ruim para o meia, que errou o pênalti que ele mesmo sofreu.
O movimentado primeiro tempo acabou 2 a 2. Na segunda etapa o Inter voltou com mudanças na zaga, entraram Índio e Juan. As coisas acalmaram, o colorado ficou mais consistente e o Caxias não teve fôlego pra continuar no ritmo do primeiro tempo. Tardiamente Celso Roth tirou Zé Roberto e mandou a campo Rafael Sobis que, num lance, fez mais que o meia-esquerda.
A partir dos 30min do segundo tempo o jogo pegou fogo de novo. Damião subiu mais que todo mundo, num salto impressionante, e fez seu terceiro gol, de cabeça. Na comemoração, uma alfinetada no Grêmio, Leandro Damião encenou um quarto árbitro levantando a placa dos acréscimos, fazendo alusão ao jogo do meio da semana, entre Grêmio e Caxias. Talvez não precisasse, mas também não faz mal nenhum. Como não faria mal Carlos Alberto aceitar a flauta e responder com mais classe, como não teve no seu twitter.
Lima agrediu o zagueiro Índio, foi justamente expulso. Deixou seu time na mão, e nos pés de Everton. Em contra-ataque mortal, depois de Tinga e Damião perderem o gol que garantiria a vitória (é, Damião também erra gol), o veloz Everton acertou belo chute e empatou tudo de novo aos 36min. Com um homem a mais, deu tempo para o Inter errar mais dois ou três gols.
O próximo jogo do Colorado é às 19h30 de quarta-feira, pela Libertadores da América, na Bolívia, contra o Jorge Wilstermann. Colorado que ainda não esta confirmado pelo Celso Roth, mas é certo que não jogam Bolivar e D'Alessandro, Kléber volta, já Guiñazu não tenho certeza. O certo é que Oscar tá dando conta no meio-campo, e pode render mais ao lado do maestro argentino.Mas aí, tem de ir um dos volantes ou Zé Roberto para o banco.

2 comentários:

  1. Sorte deles que o jogo não teve que ser desempatado nos pênaltis, como o do Grêmio, senão ainda iam acabar perdendo.

    ResponderExcluir
  2. apenas uma coisa, três de acréscimo :(

    ResponderExcluir